A força que vem do sonho.


Não entendo minhas pernas trêmulas quando voce se aproxima. Tento segurá-las com as mãos, mas também minhas mãos suam e tremem. Não sei que poder é este que me chega aos olhos e me percorre o corpo, me esquentando e deixando louco, desvairado e sem-vergonha. Já fiz várias coisas para não sentir-me dominado, entregue em tuas mãos, mas quanto mais faço, mais vontade sinto de entregar-me. Luto por dentro uma luta sem vontade de vencer, pra ser sincero sem vontade de lutar, apenas para dizer que ainda resisto quando sei que eu não resisto a voce. Quantas e quantas noites tenho dormido e neste dormir tenho sonhado contigo sonhos devassos, onde voce me olha mordendo os lábios, num gesto tão sedutor quanto venenoso, fazendo meu coração disparar de desejo. Não é ruim te querer, mas não é normal te querer toda hora, sem respeitar a hora em que voce chega ou mesmo a que vai embora, não importa, eu sempre te quero. Sempre estou te querendo, cada vez mais forte que antes. Chego a sonhar antes mesmo de dormir ou fechar os olhos, basta pensar em voce e tua imagem me vem, sorridente, feliz e com aquele rostinho de quem vai me desmanchar inteiro numa mordidinha de lábios. É um sonho que não termina porque não pode terminar, apenas recomeçar a cada minuto, sempre intenso e mais verdadeiro que qualquer realidade. Meu corpo fragilizado reage, as pernas tremem, a respiração ofega, coração dispara e o tempo pára, congela e cada segundo então dura horas e cada hora dura dias e os dias duram meses. Cada sonho é vivido com a intensidade de uma descarga de muitos volts, descargas capazes de enrijecer músculos e retesar membros, capazes de acender todas as luzes do cérebro e fazer saltar-me o coração de alegria. Que bom seria se todo dia eu pudesse sentir esta força, esta paixão, esta energia de viver que me dá alegria e esperanças de continuar sonhando com o dia em que terei voce.

Por Tony Casanova - Direitos Autorais e de Copyright reservados ao autor.
no facebook - tony.casanova1
no twitter - @tonycasanova001 e @prodacultural